Seu Internet Explorer está desatualizado

Para uma melhor visualização do site, utilize a mais nova versão ou escolha outro navegador.

Notícias » Política

05/03/2018 - 11:50 - Fonte: Gazeta de Araçuai

Deputado Rodrigo Pacheco diz em Araçuai que Minas Gerais está no buraco

Ele é pré-candidato ao governo de Minas e esteve na cidade para participar de encontro com lideranças regionais, juntamente com o empresário Igor Timo, pré-candidato a deputado federal.

Foto: Gazeta de Araçuai/foto capa:Alex Capela Deputado Rodrigo Pacheco diz  em Araçuai que Minas  Gerais está no buraco
Encontro foi realizado em salão de eventos de Araçuai

 

 

Com duras críticas aos governos do Estado e da União, relativas à política de distribuição de recursos aos municípios, o pré-candidato ao governo de Minas, deputado federal Rodrigo Pacheco (MDB) afirmou na noite deste domingo (4) em Araçuai, que Minas Gerais está no buraco . “ Os  prefeitos  estão vivendo  uma crise que não é deles, mas fruto da concentração do dinheiro, por parte da União e do Estado, o que impede as prefeituras de fazerem políticas públicas. Minas está no buraco”, disse Pacheco. Para ele, faltam planejamento e liderança no estado. O deputado disse ainda que  vai abandonar o MDB e se filiar ao Democratas (DEM). “ O MDB fez uma opção pela aliança com o PT , e sou contra”, afirmou o deputado que tem apoio do atual presidente do MDB e vice-governador de Minas, Antonio Andrade, que está rompido com Pimentel desde 2016.

 

A manutenção da aliança do MDB com o PT é defendida principalmente pelo atual presidente da Assembléia, deputado Adalclever Lopes e pelo coordenador da bancada mineira na Câmara Federal, deputado Fabinho Ramalho, ambos do MDB.

 

 

Rodrigo Pacheco reuniu no palanque, lideranças de diversos segmentos partidários.

 

Cortes

 

Em entrevista, Rodrigo Pacheco destacou que para Minas Gerais sair do buraco, deverão ser feitos cortes nos gastos públicos e estabelecer um amplo canal de diálogo com o governo federal. “ Minas Gerais não tem sequer um ministro de Estado, e está sem prestígio nacional” salientou Pacheco. Ele defendeu maior participação das pessoas na política. “ Tudo se resolve através da política que serve para transformar a vida das pessoas, principalmente as mais carentes”, disse.

 

Após ficar em terceiro lugar na disputa pela Prefeitura de Belo Horizonte em 2016, Pacheco espera ter seu nome novamente nas urnas em 2018, como candidato a governador.

Pelo menos 200 pessoas, entre prefeitos, vereadores e lideranças políticas e comunitárias da região, participaram do encontro realizado em um salão de eventos da cidade. O deputado chegou acompanhado do empresário Igor Timo, pré-candidato a deputado federal e natural do Vale do Jequitinhonha . “ Minha família é de Virgem da Lapa, mas eu nasci em Araçuai”, conta Igor Timo, de 35 anos.

Igor Timo durante pronunciamento em Araçuai

 

 

Uma das surpresas do encontro, foi o pronunciamento do ex-presidente do PT em Araçuai,  Eduardo Colares, (Dinga) , que declarou apoio à candidatura Igor Timo. “ É uma candidatura suprapartidária. Espero que ele não seja mais um a fazer promessas, porque o Vale já está cansado delas. Outros prometeram  instalar aqui a Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri. Tudo  mentira” , afirmou.

 

Evento reuniu lideranças políticas e comunitárias da região.

 

O presidente da Câmara de Araçuai, Carlindo Dourado (PRB),  disse esperar que Igor Timo não seja representante somente do Vale do Jequitinhonha mas, de toda Minas Gerais. “ Estamos cansados de paraquedistas que só aparecem por aqui em época de eleições e depois nos deixam às traças. São uns picaretas”, afirmou o vereador que está em seu 5º mandato, ao se referir ao deputado federal Ademir Camilo, que já atuou como médico em Araçuai.

-

 Presente ao evento, o prefeito de Virgem da Lapa, Diógenes Timo (PSDB)  disse que  a vitória do Igor Timo, que é seu sobrinho, e de Rodrigo Pacheco,   tem tudo para se concretizar porque muitos políticos veteranos, estão no fundo do poço. Ele pediu que ambos não levem para os palanques, candidatos maculados pela corrupção. Para Diógenes Timo, é chegada a hora da mudança.

 

Em seu pronunciamento, Igor Timo, diretor da TBI- empresa ligada ao setor de segurança em Minas Gerais,  afirmou que sonha com dias melhores para o Vale do Jequitinhonha e que se for eleito, vai honrar seu mandato com decência e caráter. " O bom filho à casa torna", disse o empresário que saiu da região aos 12 anos, para viver em Belo Horizonte.

 

Gazeta de Araçuai