Seu Internet Explorer está desatualizado

Para uma melhor visualização do site, utilize a mais nova versão ou escolha outro navegador.

Notícias » Polícia

11/04/2019 - 11:25 - Fonte: Gazeta de Araçuai

Adolescente morre após ser espancada por colega em escola de Minas Novas

Segundo testemunhas, o crime foi motivado pelo fato da adolescente ter supostamente rasgado um caderno da colega. A garota de 15 anos será sepultada nesta quinta-feira (11)

Foto: redes sociais Adolescente morre após ser espancada por colega em escola de Minas Novas
Maria Aparecida foi socorrida por uma equipe do SAMU mas não resistiu e faleceu no hospital da cidade.

Uma adolescente de 15 anos morreu após ser espancada  por uma colega, também de 15 anos, dentro da Escola Estadual Doutor Agostinho da Silva Silveira, em Minas Novas , no Vale do Jequitinhonha na tarde dessa quarta-feira (10). O sepultamento será nesta quinta-feira (11) no cemitério municipal.

 

 

Segundo a ocorrência, a Polícia Militar (PM) foi acionada por volta das 15h e, no local, militares se depararam  com a vítima Maria Aparecida Esteves Otoni caída ao solo, inconsciente, e a menor autora das agressões, sentada no pátio do interior da  escola sendo contida por uma testemunha.

 

Alunos  que presenciaram o fato, contaram que a adolescente teve  um ataque de  fúria durante o horário de recreio, após Maria Aparecida supostamente ter rasgado um caderno dela. A garota  derrubou a colega  e, em seguida, conforme testemunhas, desferiu vários chutes e golpes com um prato contra a cabeça da colega. Funcionários disseram que a agressora sofre de esquizofrenia.

 

De acordo com a PM,  as funcionárias da escola conseguiram intervir e conter a agressora até a chegada da guarnição policial. Ela contou aos militares que tinha mesmo a intenção de matar a colega.

 

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) compareceu ao local e encaminhou a vítima para o Hospital Dr. Badaró Júnior. Maria Aparecida não resistiu aos ferimentos e faleceu durante a noite.

 

A menor infratora  foi apreendida e encaminhada à Delegacia de Polícia Civil de Plantão em Capelinha, na mesma região, onde foi autuada em flagrante por ato infracional análogo ao crime de homicídio.

 

Nesta quinta-feira (11), ela será apresentada à Promotoria de Justiça. A Polícia Civil pediu a internação  provisória da adolescente e aguarda a decisão do Poder Judiciário. Um inquérito policial foi aberto para investigar o caso.

 

 

O crime envolvendo duas adolescentes chocou a população da cidade. A reportagem tentou falar com a direção da escola que não funcionou nesta quinta-feira .A Prefeitura de Minas Novas divulgou nota de luto em sua página oficial.

 

Maria Aparecida morou no mesmo abrigo que a agressora

 

Secretaria de Educação divulga nota

 

Em nota divulgada na tarde desta quinta-feira, a  Secretaria de Estado de Educação (SEE) informa que “recebeu com profundo pesar a notícia do falecimento da estudante da Escola Estadual Doutor Agostinho da Silva Silveira, em Minas Novas, em virtude de agressão praticada por uma colega da unidade de ensino”.

 

A Secretaria de Educação  afirmou que enviou um representante a Minas Novas para  acompanhar e dar apoio às famílias das envolvidas no caso e aos servidores da escola.

 

 

A Secretaria de Educação ressalta que a escola de Minas Novas recebeu alguns alunos de um abrigo da cidade - a Casa Lar, entre eles as duas envolvidas no caso de violência.

 

 “A aluna agredida já tinha sido reintegrada à família. Já a agressora permanecia acolhida na Casa Lar. A escola está montando uma rede de apoio, para acompanhar o caso e dar os encaminhamentos necessários”, diz o órgão.

 

O delegado de Minas Novas, não quis se pronunciar sobre o fato.

 

Sérgio Vasconcelos

Repórter