Seu Internet Explorer está desatualizado

Para uma melhor visualização do site, utilize a mais nova versão ou escolha outro navegador.

Notícias » Cultura

18/07/2019 - 11:21 - Fonte: G-1

Grão Mogol recebe quarta edição do Festival de Inverno

Organização espera receber três mil visitantes durante os três dias de Festival, que terá exposições de livros, telas, apresentações musicais, trilhas e oficinas.

Foto: divulgação Grão Mogol recebe quarta edição do Festival de Inverno
Atrações culturais, como o Maracatu, acontecem durante festivais anteriores

Começou nesta quinta-feira (18) a abertura oficial da quarta edição do Festival de Inverno de Grão Mogol; no Vale do Jequitinhonha (MG) .A expectativa é receber cerca de três mil visitantes no evento, que terá exposição de telas, livros, apresentações musicais, trilhas e oficinas. A programação segue até o sábado (20).

 

O evento começou  pela manhã,  com exposição de livros e bonecas da escritora montes-clarense, Amelina Chaves, além da exposição de telas “Pintando uma cidade histórica”, do artista plástico Rogério Figueiredo.

 

 

Essa programação matinal acontece na Casa da Cultura, na Rua Hilário Marinho, 91, no Centro. Na decorrer do evento, acontecem oficinas de empreendedorismo, confecção, dança, além de trilhas pela cidade. Confira programação.

 

A abertura no período da noite será na Praça Coronel Santos, em frente à Igreja Matriz Santo Antônio, a partir das 19h, com apresentação do Camerata de Violões da Unimontes e do Grupo de Serestas de Grão Mogol, que prometem agitar o evento mais esperado da região.

 

Desde 2014 o Festival acontece no município, atraindo visitantes da região e, neste ano, a Unimontes volta a participar do evento, depois de dois anos afastada, e fica encarregada da parte artística e cultural.

 

Alerta didático

 

 

O "Expresso Chagas" ocorre no primeiro dia do evento; o projeto é gratuito, realizado em parceria com a Unimontes, Fiocruz Rio, Associação Rio Chagas, UFMG e Fiocruz Minas. Participam 50 pesquisadores que dão voz ao Expresso Chagas.

Através de uma locomotiva com vagões em série, as aulas serão dadas de forma lúdica e didática, para mostrar à população como acontece a Doença de Chagas, os sintomas e cuidados que devem ser feitos para tratar a doença, possibilitando aos pacientes uma vida de qualidade.

O projeto percorre Espinosa, Montes Claros, Lassance e Grão Mogol, que será a primeira cidade a receber o Expresso. Ao todo, serão cinco sedes por onde o projeto passará, de 18 a 29 de julho, encerrando as apresentações em Belo Horizonte.