Seu Internet Explorer está desatualizado

Para uma melhor visualização do site, utilize a mais nova versão ou escolha outro navegador.

Notícias » Saúde

24/10/2019 - 09:27 - Fonte: Gazeta de Araçuai

Municípios recebem capacitação em saúde em encontro do Selo UNICEF em Araçuai

Na última edição do Selo, apenas 6 municípios do Vale do Jequitinhonha receberam a certificação.

Foto: Gazeta de Araçuai Municípios recebem capacitação em saúde em encontro do Selo UNICEF em Araçuai
Capacitação foi realizada durante todo o dia, no Centro Cultural Luz da Lua

 

 

 

Representantes dos 19 municípios da região do médio Vale do Jequitinhonha inscritos no Selo UNICEF – Edição 2017-2020  se reuniram com equipes do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), nesta quinta-feira (24) em Araçuai (MG).

 Neste quinto Ciclo de Capacitação, o tema abordado é saúde e protagonismo das crianças e adolescentes.

 

Durante o mês de outubro e até o início de novembro, gestores e técnicos municipais de saúde de 111 municípios mineiros participarão de encontros de formação com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e parceiros locais.. A agenda inclui também orientações para políticas de tratamento adequado da sífilis congênita.

 

 

Participaram do encontro, técnicos em saúde, secretários municipais de saúde, membros dos conselhos tutelares e da criança e do adolescente, dos municípios inscritos.

 

Os municípios inscritos no Selo UNICEF comprometem-se a, em quatro anos, implementar políticas públicas para redução das desigualdades e garantir os direitos das crianças e dos adolescentes previstos na Convenção sobre os Direitos da Criança e no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

 

Minas Gerais é um dos 18 estados com municípios participantes do Selo UNICEF – são 1.924 municípios na atual edição (2017-2020), distribuídos na Amazônia e Semiárido.

 Pela metodologia da iniciativa, as cidades passam a ser monitoradas a partir de 11 indicadores, a exemplo do  abandono escolar, distorção idade e ano escolar e cobertura vacinal, e precisam evoluir em pelo menos sete. Aqueles que obtiverem os melhores resultados, até 2020, serão certificados.

 

Durante a edição, o UNICEF e seus parceiros locais promovem um conjunto de atividades formativas (presenciais e à distância), com o objetivo de apoiar os municípios na realização das ações propostas pelo Selo UNICEF e na qualificação das políticas públicas para crianças e adolescentes. A expectativa é que a elaboração e execução das políticas públicas continuem mesmo após o fim da edição. Além disso, a iniciativa monitora e avalia os resultados nas condições de vida das crianças e adolescentes.

 

Inscritos participaram das dinâmicas de grupo.

 

TEMAS

 

Entre os temas trabalhados nas capacitações estão iniciativas de valorização da primeira infância, a exemplo da Semana do Bebê, de prevenção da desnutrição ou peso alto em meninas e meninos, incluindo o aleitamento materno e a importância de uma alimentação saudável, e o acesso ao pré-natal adequado. Também serão discutidos a implementação e o funcionamento adequado de serviços qualificados para a atenção integral à saúde de adolescentes e ações de promoção de direitos sexuais e direitos reprodutivos, além da prevenção de HIV/Aids e outras doenças sexualmente transmissíveis junto a adolescentes e jovens. 

 

Na última edição  2013-2016 do Selo Unicef, 504 municípios brasileiros receberam a certificação. Deste total, 312 pertencem ao semiárido, sendo 16 em Minas Gerais. No Vale do Jequitinhonha, apenas  6 municípios conseguiram a pontuação necessária para o recebimento do Selo. São eles: Araçuai, Turmalina, Capelinha, Bonito de Minas, Divisa Alegre e Jequitinhonha.

 

A agenda completa dos 45 encontros de formação está disponível em selounicef.org.br.

 

Sérgio Vasconcelos

Repórter