Seu Internet Explorer está desatualizado

Para uma melhor visualização do site, utilize a mais nova versão ou escolha outro navegador.

Notícias » Polícia

12/12/2019 - 16:34 - Fonte: Gazeta de Araçuai

Familia localiza suspeito da morte de adolescente em Araçuai

O suspeito foi seguido por um irmão da adolescente que acionou a polícia. Ele foi preso quando tentava vender um celular roubado.

Foto: divulgação Familia localiza suspeito da morte de adolescente em Araçuai
Robson foi levado para a delegacia de Araçuai onde será ouvido pelo delegado e depois enviado para o presidio

 

 

Um homem identificado até o momento por Robson, de aproximadamente 20 anos, é o principal suspeito de ter estuprado e matado a adolescente Emy Sayle Cardoso dos Santos, de 14 anos, em Araçuai´ no Vale do Jequitinhonha (MG). 

 

O corpo da garota foi encontrado na manhã de quarta-feira (11) dentro de um córrego, na periferia da cidade. Ela desapareceu de casa na segunda-feira(9) quando ia se encontrar com a avó . O corpo dela foi sepultado por volta das 23 horas de quarta-feira, no cemitério municipal.

 

 Uma mulher que pediu para não ser identificada disse que o homem já foi assistido pela  AIPA – Associação Intermunicipal de proteção ao Adolescente de Araçuai, entidade extinta há pelo menos 2 anos. Ele ainda é suspeito de  ser autor de furtos e roubos na cidade

 

A adolescente de 14 anos, foi estuprada e morta. Corpo foi encontrado dentro de um córrego na periferia da cidade.

 

 

REVOLTA

A brutalidade e a covardia que envolveram a morte da garota, chocaram a população. Revoltados, os familiares da menina não esperaram pelos trabalhos de investigação da policia e no final da manhã desta quinta-feira (12) localizaram o homem que pode ser o autor do crime. “ Após matar minha irmã, ele roubou o celular dela e estava tentando vender no bairro em que moramos, o Nova Esperança”,contou Claiton Ribeiro, de 20 anos. Ele disse que uma moradora alertou a família e a partir de então,   Robson passou a ser seguido.

 

 

Robson é ainda suspeito de ser autor de furtos e roubos na cidade;.

 

No bar

“Por volta do meio-dia, eu encontrei ele tentando vender um celular em um bar em frente ao Planalto Tênis Clube ( clube da cidade ). Liguei para a delegacia e minutos depois, ele foi preso e confessou o crime”, disse o irmão da adolescente.

 

“ A  vida da minha irmã custou R$ 30 reais”, lamentou Claiton Ribeiro, ao destacar que o celular da menina foi vendido por aquele preço. “Eu poderia ter feito uma coisa ruim com ele, mas preferi chamar a policia. Ele sabia que a menina era minha irmã”, acrescentou o rapaz, informando que o suspeito  ainda tentou fugir mas acabou preso. Ele não estava armado.

 

 

Populares se concentraram na porta da delegacia de Araçuai após a prisão do suspeito

 

O suspeito foi levado para a delegacia e em pouco tempo a noticia se espalhou por vários grupos de whatsapp. Pelo menos 100 pessoas, entre amigos e familiares da vitima foram para a porta da delegacia que teve os portões de entrada fechados para evitar que o homem fosse linchado por populares.

 

Muito abalados, a mãe, avó, padrasto e irmãos da  vítima chegaram por volta das 15 horas ao local. O delegado  Geovane Klippel, que se encontra em Pedra Azul, esta sendo aguardado.

 

Uma adolescente de 17 anos também está no local. Ela foi assaltada pelo suspeito, que roubou o celular dela, no sábado (7) no mesmo mangueiro  onde Emy Sayle foi rendida. “ Estou até agora em estado de choque. Ele só não fez coisa pior comigo porque eu estava com meu filho de 1 ano”, disse a adolescente.

 

Muitas mulheres passam por aquele local para cortar caminho. Estamos assustadas- afirmou a garota

 

Roupas da garota foram encontradas a poucos metros do corpo.Ela teve o celular roubado pelo assassino.

 

Entenda o caso

Emy Sayle, de 14 anos,havia  saído de casa, no bairro Nova Esperança, com a avó, no inicio da tarde de segunda-feira (9) em direção à um creche do bairro, mas no meio do trajeto, a garota disse que precisava  retornar para a casa, para trocar de roupa, porque estava com um short. No entanto ela  não retornou para reencontrar a avó. No dia seguinte a mãe e a avó procuraram a policia e registraram o desaparecimento dela.

No inicio da manhã desta quarta-feira (11) a Policia Civil recebeu um telefonema  informando que o corpo da garota estava dentro do Córrego Calhauzinho. Ela estava nua e as roupas a poucos metros do corpo.

 

O corpo da garota foi submetido a necrópsia no IML de Teófilo Otoni. Resultado do exame deverá ser concluido em 30 dias. Ele vai determinar como a adolescente foi morta e se ela foi vitima de violência sexual.

 

Familiares acreditam que ela foi atacada pelo criminoso quando retornava da casa da mãe,  passando pelo caminho que corta o matagal e que dá acesso à casa dela, no bairro Nova Esperança. para reencontrar com a avó. " Todos utilizam aquele caminho. Agora que choveu as árvores estão com as folhagens verdes e dificulta ver quem está dentro do mato", dizem os moradores. 

 

Sérgio Vasconcelos

Repórter