Seu Internet Explorer está desatualizado

Para uma melhor visualização do site, utilize a mais nova versão ou escolha outro navegador.

Notícias » Cidades

11/06/2020 - 09:34 - Fonte: Gazeta de Araçuai

Morre engenheiro que caiu na entrada do hospital de Araçuai

Adenauer Onnis era conhecido engenheiro na região do Vale do Jequitinhonha. Ele sofreu uma queda na portaria do hospital de Araçuai, após passar mal, no momento em que preenchia uma ficha para atendimento de uma consulta.

Foto: Redes sociais Morre engenheiro que caiu na entrada do hospital de Araçuai
Adenauer Onnis tinha 60 anos.

 

 

Será sepultado nesta quinta-feira (11) em Araçuai, no Vale do Jequitinhonha (MG) o engenheiro civil Adenauer Onnis, 60 anos. Ele faleceu na noite de quarta-feira (10) no hospital de Diamantina, após se submeter a uma delicada cirurgia craniana.

 

O engenheiro sofreu traumatismo craniano na manhã de 3 de junho após uma queda na portaria do hospital São Vicente de Paulo em Araçuai. Ele já vinha enfrentando  problemas de saúde, decorrente de uma hepatite, e procurou o hospital para uma consulta. No momento em que preenchia a ficha de atendimento, ele  se sentiu mal, caiu e bateu com a cabeça no chão. O engenheiro foi imediatamente atendido, com quadro de traumatismo craniano com edema cerebral grave. Ele precisou ser entubado e médicos aconselharam a imediata transferência para outro hospital em uma UTI móvel, inexistente em Araçuai.

 

Após uma longa batalha contra o tempo, a família conseguiu no dia seguinte,  uma vaga no hospital de Diamantina, para onde ele foi transferido e submetido à cirurgia. No entanto, o quadro clínico se agravou com uma hemorragia interna e ele não resistiu, vindo a óbito por volta das 21 horas desta quarta-feira (10).

 

Muito querido entre amigos e familiares, Adenauer Onnis  foi engenheiro da AMEJE- Associação dos Municípios do Médio Jequitinhonha e atuou em várias prefeituras da região. Era filho de numerosa e tradicional família de Araçuai e  neto do imigrante italiano Francisco Onnis, construtor de prédios históricos da cidade, a exemplo do Colégio Nazareth e Matriz de Santo Antonio, entre outros.

 

O engenheiro deixa a mulher, três filhos e uma neta.

 

Sérgio Vasconcelos

Repórter